Intranet

Guedes admite que governo ‘não conseguiu’ dar aumento de 5%

D2baa0c96bf058391b894c43de057fbf
O presidente Jair Bolsonaro afirmou que, “pelo que tudo indica”, não haverá reajuste para servidores públicos neste ano.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta quinta-feira (9) que o governo “não conseguiu” dar reajuste aos servidores federais neste ano. O prazo para uma definição vai até o final deste mês.

Desde o início de 2022, ano eleitoral, o governo federal tenta encontrar uma maneira para dar reajuste aos servidores públicos, mas tem esbarrado no aperto das contas públicas.

Na última terça-feira (7), o presidente Jair Bolsonaro falou sobre o assunto, mas não sem ser taxativo. Na ocasião, afirmou que, “pelo que tudo indica”, não haverá reajuste para servidores públicos neste ano.

O governo federal vinha acenando com um aumento de 5% para todas as categorias do Executivo Federal, ao custo de R$ 6,3 bilhões.

Nesta semana, porém, o Ministério da Economia anunciou que desistiu de manter no Orçamento a reserva de R$ 1,74 bilhão para pagar uma parte do reajuste dos servidores do Executivo Federal.

O aumento de 5% neste ano, antes sinalizado pelo governo federal, vinha sendo considerado “insuficiente” por representantes de categorias de funcionários públicos.

Nas últimas semanas, algumas categorias têm feito manifestações e até greve para pressionar o governo, como os servidores do Banco Central e do Tesouro Nacional.

Fonte: G1 - O Globo
Publicado em: 10 de junho de 2022